category: 86
category: 288
category: 279
category: 263
category: 37
category: 67
category: 300
category: 85
Reforço para a educação infantil em Niterói até 2016 - Site do bairro da Engenhoca

Reforço para a educação infantil em Niterói até 2016

Secretário Waldeck Carneiro, destaca compromisso com a educação infantil. Foto: Marcelo Feitosa
Reforço para a educação infantil em Niterói até 2016

Prefeitura municipal quer construir, ao menos, vinte Umeis. Cinco unidades já foram entregues em Niterói. Próximo será inaugurado em Santa Rosa, na Zona Sul

O Programa “Mais Infância”, lançado pela Prefeitura de Niterói em maio desse ano, já fez a diferença para um total de 750 crianças de 0 a 5 anos e 11 meses. A iniciativa, que conta com recursos do governo federal através do Programa Brasil Carinhoso, já inaugurou cinco Unidades Municipais de Educação Infantil (Umeis) esse ano. A meta é construir 20 unidades até 2016.

De acordo com informações da Secretaria de Educação de Niterói, as Umeis inauguradas no primeiro semestre de 2013 foram: Marilza Medina, localizada na comunidade da Vila Ipiranga, no Fonseca, com capacidade para 100 crianças de 0 a 5 anos e 11 meses, incluindo berçário, com educação integral; Áurea Trindade Pimentel de Menezes, em Itaipu, com capacidade para 100 crianças de 3 a 5 anos e 11 meses, com educação integral; Maria José Mansur Barbosa, na Rua Magnólia Brasil, no Fonseca, com capacidade para 80 crianças de 2 a 5 anos e 11 meses, com educação integral.

Em agosto foram inauguradas as Umeis Vinícius de Moraes, no Sapê, com capacidade para 180 crianças (de 3 a 5 anos e 11 meses), com educação integral e a Umei Zilda Arns, no Caramujo, que passará a funcionar em fevereiro de 2014, com capacidade para atender de 250 a 300 crianças, incluindo berçário. A Umei Zilda Arns é o maior estabelecimento de Educação Infantil da cidade, com uma área construída de aproximadamente dois mil metros quadrados. 

“Estamos atuando em três frentes: inauguração de novas unidades, municipalização de algumas escolas estaduais e estatização e incorporação de creches conveniadas. Já está em andamento o processo de licitação para a construção das Umeis de Piratininga (rua Acúrcio Torres) e Fonseca (rua Teixeira da Freitas). Em menos de um ano entregamos cinco novas unidades e, até 2016, vamos criar cerca de 3 mil novas vagas para a Educação Infantil”, revela o secretário de Educação, Ciência e Tecnologia, Waldeck Carneiro.

Segundo o secretário, entre as mudanças que estão por vir estão a entrega, prevista para este mês, de um novo prédio para a Umei Geraldo Montedônio Bezerra de Menezes, em Santa Rosa, que está há quatro anos funcionando na Escola Municipal Padre Leonel Franca, de Ensino Fundamental, em Santa Rosa.  

O antigo prédio da Escola Municipal Padre Leonel Franca, no Viradouro, que estava desativado também teve sua situação resolvida em 2013, através de uma parceria com o Governo do Estado. A escola será reformada e se transformará em Umei, com capacidade para 140 crianças, a ser inaugurada em 2014.

Para os próximos anos, a Prefeitura está com projetos de desapropiações e municipalizações para a construção de novas Umeis em Matapaca, Piratininga, Cantagalo, Capim Melado, Engenho do Mato, Engenhoca, Fonseca e Barreto. A Umei na Rua Siqueira Campos, em Santa Rosa, será a nova sede da Umei Vasconcelos Torres.

A Secretaria também incorporou creches comunitárias à rede municipal em 2013. Passaram pelo processo as Umeis Rosalda Paim, no Centro; Lizete Fernandes Maciel, no Jacaré; o Núcleo Avançado de Educação Infantil (Naei) Almir Garcia, em Maceió; e o Naei Sebastião Luiz Tatagiba, na Ititioca. Os Naeis serão progressivamente transformados em Umeis, a medida que estiverem adequados aos padrões da rede municipal de ensino.



Fonte: http://jornal.ofluminense.com.br